sábado, 29 de abril de 2017

EIKE BATISTA IRÁ PARA PRISÃO DOMICILIAR




O juiz Gustavo Arruda, da Justiça Federal do Rio de Janeiro, decidiu que o ex-bilionário Eike Batista terá que ficar em prisão domiciliar. A decisão do magistrado surge um dia após o ministro Gilmar Mendes aceitar o pedido de habeas corpus apresentado pela defesa do empresário.

Eike ficará em sua mansão no Jardim Botânico. Segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, a casa do empresário possui uma vista panorâmica para a Lagoa Rodrigo de Freitas.

O juiz Gustavo Arruda determinou algumas medidas cautelares e definiu que:

1. Eike deve continuar afastado da administração de suas empresas.
2. Não pode ter contato com qualquer pessoa investigada na Lava-Jato.
3. Terá também que levantar permanentemente o seu sigilo telefônico, enquanto durar os efeitos dessas medidas cautelares.
4. Terá que entregar seu passaporte.
5. Só pode receber visitas de parentes e advogados.

A coluna informa ainda que Eike deixará sua cela em Bangu na manhã deste domingo (30). Fonte: Notícias ao Minuto.

ATÉ O FIM DO ANO, CARROS BRASILEIROS TERÃO ETIQUETA SOBRE CONSUMO




Lançado há nove anos para orientar os consumidores na hora de comprar carros menos poluentes e mais econômicos, o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular será concluído até o fim deste ano.
O objetivo da etiqueta é informar aos compradores o grau de eficiência energética de cada veículo, cumprindo as determinações do Novo Ciclo de Política Automotiva, o Rota 2030. Com informações da Agência Brasil.
Com as novas adesões, 100% dos veículos comercializados no Brasil serão incluídos no programa, abrangendo mais de 1000 modelos e versões. Assim como estabelecido para produtos como eletrodomésticos, a etiqueta do Inmetro informa o nível de eficiência dos carros com faixas coloridas que vão de A a E. Além disso, o adesivo também trará dados sobre a emissão de gases poluentes, como hidrocarbonetos e monóxido de carbono.
As metas foram reforçadas na última quarta-feira (26) durante o lançamento do 9º Ciclo do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular, pelo ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. No ano passado, a inclusão de novas categorias já havia alcançado todos os fabricantes.
Segundo o ministro Marcos Pereira, o programa incentiva as montadoras a pensarem mais na sustentabilidade dos veículos. "Essas iniciativas têm por objetivo facilitar a vida do consumidor na hora de escolher o modelo e a marca do seu veículo, podendo considerar outros atributos, além do preço. Em última instância, a medida acaba por estimular os fabricantes a investirem cada vez mais em novas tecnologias para ganhar competitividade, levando em conta a escolha consciente dos consumidores."
De acordo com a pasta, as regras são consideradas como as mais avançadas do mundo por desenvolverem programas de eficiência energética e uso racional de combustível. Com informações da Folhapress. Fonte: Notícias ao Minuto.

CASSEREGUE: 23 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA


 


Por Geraldo Belo (Advogado, radialista e compositor).

MERGULHADO NUMA VALOROSA HISTÓRIA DE RESISTÊNCIA E BRAVURA, MUNICÍPIO DO CASSERENGUE/PB., COMEMORA 23 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA E ADMINISTRATIVA !!!


Nesse 29 de abril, o município do Casserengue, localizado na Microrregião do Curimataú Oriental, está em festa, pois comemora 23 anos de emancipação politica e administrativa, graças a um projeto apresentado nos idos de 1993, na Assembleia Legislativa do Estado pelo então deputado estadual ARNÓBIO VIANA, hoje Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, recebendo acolhimento de seus pares e logo depois sancionado pelo então Governador CÍCERO LUCENA, conforme devidamente registrado nos anais da História paraibana.

Distrito do município de Solânea bastante populoso e com avançados ideais progressistas, o CASSERENGUE, passou a receber no período em que ARNÓBIO VIANA era prefeito municipal, tratamentos considerados especiais em todas as áreas de atuação, culminando logo depois, quando o mesmo se elegeu deputado estadual, com a propositura de tal projeto, vez que o então deputado Ramalho Leite colocou na Constituição, em tal fase, uma lista de 50 Distritos para serem emancipados, ficando apenas na intenção, na conhecida letra morta, sem se concretizar efetivamente.


ARNÓBIO VIANA E O PROJETO DE EMANCIPAÇÃO !!! Vendo tal impasse, Arnóbio Viana que sempre teve profundas ligações com a localidade, não contou história e nem perdeu tempo, apresentou o corajoso projeto defendendo-o de forma bastante convincente e atendendo, com tamanha desenvoltura, as diversas exigências legais, conseguindo depois de muitas dificuldades aprová-lo em toda sua contextura.

Após os tramites legais, o então governador Cicero Lucena o sancionou, criando no dia 29 de abril do ano de 1994, o sonhado Distrito Administrativo e Judiciário do Casserengue, desmembrando-o em definitivo de Solânea, instalando-se portanto município, no dia 1º de Janeiro de 1997, dando-se inclusive posse ao primeiro prefeito eleito, Sr Antonio Pereira de Sousa, o popular Antonio de Nexa.


GOVERNO DO ESTADO BENEFICIA COM O ASFALTO. Por conta de tudo isso, o Casserengue, hoje com uma nova roupagem de crescimento, principalmente depois da execução da pavimentação asfáltica por parte do governador Ricardo Coutinho, está em festa para satisfação de seu defensor, ex-deputado e Conselheiro Arnóbio Viana, assim como de todo seu povo que mostra grandeza, une forças, idealiza e irmana pensamentos sempre em busca de melhores dias e de mais benefícios para a coletividade em toda sua abrangência.

PF AMPLIA CERCO À CÚPULA DO PMDB NO SENADO



Desdobramento da Lava Jato, a Operação Satélites 2, deflagrada ontem pela Polícia Federal, ampliou o cerco à cúpula do PMDB no Senado. Por ordem do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), foram cumpridos mandados de busca e apreensão contra suspeitos de operar recebimento de propina em contratos da Transpetro, subsidiária da Petrobras.
As medidas foram solicitadas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para coletar provas contra suspeitos que teriam beneficiado os senadores Renan Calheiros (AL), Garibaldi Alves Filho (RN) e Romero Jucá (RR), além do ex-presidente José Sarney (AP), com o recebimento de valores indevidos. Os peemedebistas negam.
A investigação que deu origem à operação se baseou na delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, que revelou à PGR ter repassado, em 11 anos, R$ 100 milhões em propina aos peemedebistas. O dinheiro, supostamente oriundo de contratos da estatal, teria sido pago em espécie e por meio de doações oficiais.
A PF cumpriu dez mandados em Alagoas, Rio Grande do Norte, Sergipe, São Paulo e Distrito Federal para apurar crimes contra a administração pública, lavagem de dinheiro, corrupção e organização criminosa.
Um dos alvos foi o advogado Bruno Mendes, ex-assessor de Renan, que foi gravado em uma das conversas de Machado entregues à Lava Jato. O senador é suspeito de ter recebido R$ 32 milhões dos recursos supostamente desviados para o PMDB.
Também foram cumpridas medidas contra o ex-presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) Lindolfo Sales, que foi chefe de gabinete de Garibaldi; Amauri Cezar Piccolo, assessor de Sarney; e uma ex-assessora de Jucá. Outro alvo de busca foi o ex-senador José Almeida Lima (PMDB), atual secretário de Saúde de Sergipe.

PROPINA. Machado contou que Garibaldi, em eleições, sempre o procurava solicitando recursos. O último encontro, de acordo com ele, se deu em 2014, quando o senador era ministro da Previdência. Machado disse ter viabilizado R$ 700 mil para o congressista por meio de contribuições de empreiteiras que tinham contratos com a Transpetro. O delator contou que Sarney foi beneficiado com R$ 18,5 milhões entre 2006 e 2014. Segundo Machado, Jucá recebeu R$ 21 milhões.
Detalhes da Satélites 2 não foram divulgados, sob o argumento de que corre em sigilo. A operação é desdobramento da Satélites, de 21 de março, que teve como alvo nomes ligados a Renan e Humberto Costa (PT-PE), Eunício Oliveira (PMDB-CE) e Valdir Raupp (PMDB-RO). Com informações do Estadão Conteúdo. Fonte: Notícias ao Minuto.

MORRE RADIALISTA QUE FOI ATROPELADA POR CARRO ALEGÓRICO NA SAPUCAÍ





Morreu na manhã deste sábado (29) a radialista Elizabeth Ferreira Joffe, de 55 anos, uma das vítimas do acidente com o carro alegórico da escola de samba Paraíso do Tuiuti na abertura do desfile do Grupo Especial, na Marquês de Sapucaí, em fevereiro deste ano. A radialista Liza Carioca, como era conhecida, estava internada em estado grave no Hospital Quinta D'Or, em São Cristóvão.

Elizabeth trabalhava como repórter da rádio Ativa FM e estava cobrindo o evento de uma área próxima à concentração da escola quando foi atingida pelo veículo. Outras vinte pessoas também ficaram feridas.


Segundo o G1, a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) manifestou, em nota, o "mais profundo pesar pelo falecimento da radialista Liza Carioca". "Nos solidarizamos com todos seus familiares e amigos neste momento de dor", diz o texto.

Por meio da assessoria de imprensa, a Paraíso do Tuiuti informou que a escola está "profundamente consternada com o falecimento da senhora Elisabeth Joffe". "Desde o fatídico episódio, a agremiação não se furtou em arcar com os custos do tratamento médico e oferecer apoio irrestrito ás vítimas com sequelas e ferimentos graves. Declaramos luto e mais uma vez lamentamos que as consequências do acidente tenham sido as piores possíveis", complementou.

O acidente aconteceu na abertura do desfile do Grupo Especial, na Marquês de Sapucaí, em fevereiro deste ano, quando um dos carros da escola perdeu o controle e prensou pessoas na grade que separa a arquibancada da pista. Duas pessoas ficaram gravemente feridas. Fonte: Notícias ao Minuto.